17/08/08

Satánico Pandemonium / La Sexorcista (1975)

Há já muito tempo que andava para ver este clássico do nunspolitation Mexicano. Já havia lido umas coisas interessantes acerca do filme e, como fã “diehard” de cinema alternativo, uma película destas não me poderia passar ao lado. Já agora deixo uma pequena curiosidade sobre o título (que soa mais “agressivo” do que o filme realmente é): Quentin Tarantino e Robert Rodriguez utilizaram o título “Satánico Pandemonium” para o atribuir como nome artístico à dançarina exótica (Salma Hayek) de “From Dusk Till Dawn”.
A história é simples; a jovem freira Maria (Cecília Pezet) é confrontada com a aparição de Lúcifer (Enrique Rocha) e, a partir daí, começa a ter fantasias sexuais (e a tentar pô-las em pratica) com outras freiras e até um pastor pré-adolescente que vive perto do convento. Maria começa a ter alucinações e visões de serpentes, gatos negros, etc. Isto, aliado à sua tentativa de lutar contra a tentação, conduzem-na a uma espiral descendente que a leva à loucura. Toda a simbologia é demasiado óbvia e, diria até, simplista e “naive”. A maça, a serpente, o gato negro, etc, tudo é demasiado óbvio. Já havia lido que o filme era um pouco parado e tornava-se aborrecido. Tive essa mesma sensação, sem dúvida. O que aqui se passou em cerca de 90 minutos poderia ter sido feito em apenas uma hora, com uma evolução mais rápida das coisas. O final inesperado pode ter diversas interpretações. Eu tenho a minha mas não a vou aqui partilhar, preferindo deixar-vos pensar um pouco, e que tirem vossas próprias conclusões.
Gostei da banda sonora (alguém me ajuda a conseguir isso?), a qual se adapta muito bem ao ambiente do filme, com a sua fusão de cânticos religiosos, temas sinfónicos e sons psicadélicos e perturbadores. Gostei também do trabalho de fotografia com tons e cores quentes e apelativas.
A temática religiosa (não se esqueçam que falamos num país católico extremo como o é o México) aliada a alguma nudez, sexo, pedofilia, etc, causaram algum reboliço na sociedade Mexicana (estamos em meados da década de 70). Hoje em dia este tipo de filmes já não é tão chocante e, além disso, a temática já foi explorada de uma maneira muito melhor (um bom exemplo disso será “The Devil’s Advocate” com Al Pacino, Keanu Reeves e Charlize Theron). Mesmo assim, vale a pena conferir se são fãs de 70s exploitation / nunsploitation e filmes com temática religiosa. 50%
RDS

IMDB:
http://www.imdb.com/title/tt0070636/

Satánico Pandemonium - Excerto

1 comentário:

mauro disse...

òtimo filme, recomendo que todos vejam!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...